Carlos Cardoso foi aprovado pela Comissão Política Concelhia do PSD/Pombal como candidato à presidência da Junta de Freguesia de Redinha, naquele que é o propósito de recuperar a gestão desta freguesia, repetindo a grande conquista que foi conseguida nas autárquicas de 1993.

Empresário e participante ativo na vida cívica da sua comunidade, como demonstra a sua ligação a diversas associações, Carlos Cardoso desempenha funções na autarquia desde 1989. Primeiro foi membro da assembleia de freguesia, depois vinte anos presidente da Junta de Freguesia de Redinha, secretário durante quatro anos e, atualmente, é membro da assembleia de freguesia.

A sua ligação à comunidade e à vida autárquica é indiscutível. Apesar de não ser um desafio totalmente desconhecido, atualmente assume novos contornos, ao integrar um projeto concelhio que pretende promover o bem-estar e potenciar as riquezas naturais e culturais deste território. E a freguesia de Redinha tem em si um património que importa preservar e valorizar, neste que será um compromisso da candidatura agora apresentada.

O PSD/Pombal agradece a disponibilidade de Carlos Cardoso para liderar este projeto, que contará com uma equipa unida em prol da Redinha. Será certamente uma candidatura vencedora e que trará novamente à freguesia de Redinha um caminho de sucesso e afirmação.

Nota biográfica:

Carlos Manuel Simões Cardoso, nasceu na redinha há 62 anos. É casado, tem duas filhas e dois netos, sendo empresário desde 1979 e atualmente detém uma empresa de distribuição de produtos alimentares. Possui o curso complementar de contabilidade e administração (12.ºano).

Em termos de associativos e de participação cívica foi provedor da Santa Casa da Misericórdia da Redinha durante 3 mandatos, Presidente da Assembleia Geral da Associação Cultural e Desportiva da Redinha, Presidente da Assembleia Geral do Rancho Folclórico de Redinha. Presidente da Direção da Junta de Agricultores do Regadio vale do Anços e sócio fundador da Associação de Caça e Pesca da Redinha, em que atualmente exerce funções de 1.º secretário da Assembleia Geral.

A ligação à Gestão Autárquica surgiu em 1989, sendo eleito membro da Assembleia de Freguesia de Redinha até 1993. Entre 1993 e 2013 foi presidente da Junta de Freguesia, secretário no mandato seguinte e, desde 2017, é membro da Assembleia de Freguesia.

Partilhar artigo nas redes sociais

Artigos recentes

Faça parte da solução!

Contamos com todos. Conte com o PSD!